Chega de pegar ônibus, vá de carro!

Em tempos de aquecimento global, essa afirmação pode parecer uma loucura minha, mas em São Francisco (EUA), esta opção é mais ecológica do que se pensa.

Uma empresa norte americana propõem uma idéia simples e inteligente de negócio colaborativo, onde quem tem o carro ganha dinheiro, e quem precisa de um economiza. As duas partes ajudam a preservar o ambiente e reduzir os congestionamentos. É tão genial que pode ser adotada em vários lugares, aumentando a tendência do consumo colaborativo.

O funcionamento é simples. O dono do carro concorda em alugá-lo por um determinado número de horas ao mês, como não utiliza o veículo todo o tempo. A empresa RelayRides, intermedia a transação, analisando o perfil de quem aluga e oferece um seguro em caso de danos. Utilizando um sistema de códigos pelo celular o contratante pode usar o carro sem a necessidade da chave.

O aluguel gira em torno de R$ 8 por hora. Valor muito inferior em relação ao táxi. O proprietário arrecada em média até R$ 15 mil por ano. Muito vantajoso não?

Através das redes sociais é possível localizar as pessoas por cada rua e bairro, facilitando o negócio.

Essa idéia poderia dar certo nas grandes capitais, reduzindo a emissão maciça de gases poluentes. Não é por acaso que São Francisco hoje é considerada a capital mundial da inovação na tecnologia da informação…

Quem quiser conhecer melhor o sistema acesse o site da empresa aqui.

Até!

Anúncios

2 Respostas para “Chega de pegar ônibus, vá de carro!

  1. Raphael, não vejo como esta proposta é uma alternativa inteligente para reduzir a emissão de poluentes e amenizar o problema do trânsito das grandes cidades.

    O proprietário aluga o carro nos períodos em que ele não usa. Então, é um carro a mais que vai para a rua quando normalmente ficaria na garagem. O locatário usa um carro em vez de tomar o transporte público.

    Da forma como eu vejo, só é uma vantagem para o bolso do proprietário e para a conveniência do usuário. Esses argumentos sustentáveis são apresentados pela própria empresa?

    • Olá Tony.

      Creio que seja uma questão de ponto de vista. Quem normalmente utiliza como meio de transporte até o trabalho, realmente estaciona o carro, porém veja pelo lado de quem utiliza normalmente o automóvel como uma ferramente de trabalho, como um representante comercial, um courrier, ou até mesmo uma mãe que leva o filho para escola. Eles deixariam de utilizar o próprio veículo e estariam utilizando o alugado. Lembrando que o sistema de transporte público além de ineficiente não atende determinadas regiões.

      Não sei posso estar enganado, e não vi a perspectiva como um todo, mas achei a idéia muito válida.

      Gde Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s